Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 19 de junho de 2010




Mulheres...


" Uma dança desvairada, a mil, ia rolando...
O garotão dos cachinhos dourados erguia as mãos pro ar. Lydia se espremia contra ele. Era dramático, erótico. Os dois levantavam as mãos pro ar e colavam o corpo um no outro. Corpo contra corpo. Ele quicava os pés atrás, um de cada vez. Lydia o imitava. Se olhavam no olho. Eu tinha que admirar que eles eram bons naquilo. O disco girava, girava por fim, acabou.
- Você se preocupou com aquele cara, né?- ela perguntou.
- É.
- Por quê?
- Parecia um trepada, quase; talvez melhor.
- Aquilo não queria dizer nada; era só dança.
- Imagine se eu agarrase uma mulher na rua daquele jeito. Com música ficaria tudo bem?
- Sabe como é que se chama um cara que nem você?
- Não.
- Se chama desmancha prazeres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário