Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 29 de agosto de 2009






Fama, Fortuna e Reconhecimento

"Não quer dizer muito coisa, mas é melhor do que bater punheta com a mão esquerda."





Para onde foi todo mundo?

''Portanto, agora, ali estava eu. Sentado ouvindo a chuva. Se eu morresse agora, ninguém verteria uma lágrima em todo o mundo. Não que precisasse disso. Mas era estranho. Até onde um trouxa pode ficar solitário? Mas o mundo estava cheio de velhos rabugentos como eu. Sentados ouvindo a chuva e pensando para onde foi todo mundo. Aí é que a gente sabe que está velho, quando fica pensando para onde foi todo mundo. Bem, não foram para lugar nenhum, não precisavam ir. Três quartos estavam mortos.''




Aposentadoria

"Eu me sentia cansado, no corpo e na mente. Queria largar o jogo. Queria me aposentar. Ir para algum lugar como Las Vegas. Passear pelas mesas de jogo, cara de sabichão. Ver os trouxas estourar fortunas. Era a minha idéia de estar numa boa. Relaxar sob as luzes, enquanto a sepultura se escancarava para mim."



Cartas Marcadas

"Matei quatro moscas enquanto esperava. Porra, a morte estava em toda parte. Homem, pássaro, animal, réptil, roedor, inseto, peixe, não tinham a mínima chance. Tudo carta marcada. Eu não sabia o que fazer. Fiquei deprimido. Sabe, eu vejo um garoto de entregas no supermercado empacotando minhas compras, depois o vejo enfiando a si mesmo na própria cova, junto com o papel higiênico, a cerveja e o peito de frango."




Bar Fly

O problema é que o Sunset, em meu bairro, não tem muitos bares. Continuei caminhando. Finalmente encontrei um, última categoria. Não tinha vontade de me sentar num tamborete. Sentei-me num reservado. A garçonete chegou. Usava minissaia, sapato alto, blusa transparente com ombreiras. A cara dura como aço. Quando sorriu, doeu. Nela e em mim. Ela continuou sorrindo. Era um sorriso tão falso que me arrepiou os pêlos do braço. Desviei o olhar.
- Ei, amorzinho - ela disse - que vai querer? Não olhei para a cara dela. Olhei para a cintura. Estava á mostra. Tinha uma rosa de papel, vermelha, colada no umbigo. Falei com a rosa:
- Vodca com tônica e limão.
- Certo, amorzinho! Ela se afastou com passinhos curtos, tentando rolar a bunda de forma atraente. Não conseguiu. Comecei logo a ficar deprimido. Não fique, não fique, disse a mim mesmo. Não funcionou. Todo mundo estava fodido. Não havia vencedores. Só vencedores aparentes. Todos nós corríamos atrás de nada. Dia após dia. Sobreviver parecia ser a única necessidade. Não parecia bastante. Não com Dona Morte esperando. Eu ficava puto quando pensava no assunto.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009






Mulheres


Aí a porta se abriu de repente. E entrou a tal mulher. Ora, tudo que posso dizer é que existem bilhões de mulheres no mundo, certo? Algumas bem vistosas. Muitas muito bonitas. Mas de vez em quando a natureza nos sai com um truque bestial, reúne todos os atributos numa mulher especial, uma mulher inacreditável. Quer dizer, a gente olha e não acredita. Tudo se move em sintonia perfeita, ondulação, mercúrio, serpente, a gente vê umas cadeiras, um cotovelo, uns peitos, um joelho, e tudo se funde numa unidade gigantesca, um todo inesquecível, com aqueles olhos lindíssimos a sorrir, a boca meia descaída, os lábios imóveis como prontos para estourar numa gargalhada, pela sensação de impotência da gente. E elas sabem se vestir e o cabelo longo incendeia o ar. Tudo demais, porra.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009




Calendário

"Eu tinha de pensar. Tentei pensar. A mosca ainda se arrastava na mesa. Enrolei o Programa do Turfe, dei-lhe uma porrada, errei. Não era o meu dia. Nem minha semana. Nem meu mês. Nem meu ano. Nem minha vida. Porra."



Ambição

"Deixe sua mente ir na coisa. Você é um operador esperto. É astuto. Por que pagar bombas que despedaçam crianças indefesas? Dirija um BMW. Tenha uma vista do porto. Vote nos republicanos."



Epitáfio

"Esperando pela morte como um gato que vai pular na cama, sinto muita pena de minha mulher. Ela vai ver este corpo rijo e branco vai sacudi-lo e talvez sacudi-lo de novo: "Henry!" E Henry não vai responder. Não é minha morte que me preocupa, é minha mulher deixada sozinha com este monte de coisa nenhuma. No entanto, eu quero que ela saiba que dormir todas as noite a seu lado e mesmo as discussões mais banais eram coisas realmente esplêndidas e as palavras difíceis que sempre tive medo de dizer podem agora ser ditas:
"Eu te amo"!!!. "




Santíssima Trindade

"Três coisas o homem precisa: fé, prática e sorte."

segunda-feira, 24 de agosto de 2009




Democracia x Ditadura

"A diferença entre democracia e ditadura é que, numa, primeiro a gente vota e depois cumpre ordens, ao passo que na outra não é preciso perder tempo com eleições.





Política

Nunca tive o menor interesse por onde vai a coisa. Mas existem bandidos e mocinhos? Quem sempre diga a verdade e quem nunca minta? Não existem bons ou maus governos. O que existem são apenas governos ruins e outros piores ainda. Não sei quanto às outras pessoas, mas quando me abaixo para colocar os sapatos de manhã, penso, Deus Poderoso, o que mais agora?"





Cinema x Literatura

"A diferença entre o público de cinema e os leitores é a seguinte: os diretores têm de pensar através do olho da câmera. Será que o público vai entender ? E quase tudo irrita ou ofende o público de cinema, enquanto as pessoas que lêem romances e contos adoram ser irritadas e insultadas. - Será que ninguém inteligente lê meus livros ?? - Espero que não. Eu me pergunto se talvez minha obra não seja feita para idiotas. O que eu não posso evitar. Talvez eu seja mesmo um babaca - Só sei bater á maquina algumas vezes. Um pássaro voa, uma serpente se arrasta, eu mudo fitas de máquina de escrever."






Xadrez


"Que jogo sujo é esse? Há como fugir disso? Não há fuga, ação ou falta de ação. Temos apenas que nos considerar como uma derrota: qualquer lance no tabuleiro leva a um cheque-mate. No entanto acho que a multidão, aquela multidão, a Humanidade, que sempre foi difícil pra mim, aquela multidão está tendo o que merece. Afinal de contas, quem perde ou quem ganha alguma coisa ?"




Conhecimento

Será que chegamos finalmente à sabedoria? O conhecimento que não se realiza é pior que a ausência total de conhecimento. Porque se você esta chutando e a coisa não funciona você pode dizer apenas, merda, os deuses estão contra mim. Mas se você sabe e a coisa não dá em nada você se adentra no sótão de sua mente e passa a percorrer para cima e para baixo obscuros corredores e a imaginar. Isso não é nada saudável, acaba resultando em noites desagradáveis, muita bebida e na máquina de triturar."

domingo, 23 de agosto de 2009





A Última Bala do Cartucho

" O mundo inteiro é um saco de merdas se rasgando. Não posso salvá-lo. Sei que nos movemos em direção à miragem, nossas vidas são desperdiçadas, como as de todo mundo. Eu sei que nove décimos de mim já morreram, mas eu guardo o décimo restante como uma arma."



Flores do Mal

" Parece que o principal ato da humanidade é a Violência. São bons nisso. Realmente florescem. Flores de merda, emporcalhando nossa chance.



Bebida é Água


- Beber é coragem?
- Beber não é coragem, mas nada mais é !
- Não acha os bêbados condenáveis?
- Acho. E também a maioria dos abstêmios.
- Acha beber muito um hábito socialmente aceitável?
- Em Bervelly Hills sim. Na sarjeta não.




Sociabilidade

"Minha visão principal da vida é evitar o máximo de pessoas possível. Quanto menos pessoas eu vejo, melhor me sinto. Toda vez que alguém fala comigo, eu sinto vontade de saltar pela janela ou descer no elevador. As pessoas simplesmente não têm interesse algum. Talvez não devam ter. Mas os animais, os pássaros, até mesmo os insetos têm. Eu não entendo..."






Multidão Trabalhadora

" Que bando e tanto! Putos da vida, maus e quebrados. Sempre com pressa de chegar em casa pra trepar, se possível, pra ver TV, pra ir dormir cedo a fim de fazer a mesma coisa no dia seguinte."




Caridade

"Minha mulher se preocupa com o futuro dos pobres. Eu também não gosto disso. Por outro lado, não posso vê-los sentados em torno da minha porta da frente, bebendo e contando suas histórias. Muitas vezes o charme diminui quando chegamos perto demais da realidade. Além disso, quantos irmãos a gente pode manter? "



Humanidade


"Eu não preciso contemplar essa gigantesca demonstração de desperdício da humanidade, empanturrada lado a lado, soltando piadas, rindo sem motivo nenhum, resmungando coisas sobre sexo e comentando resultados de testes com rãs. Não preciso vê-los andando ou se espreguiçando pra lá e pra cá com seus corpos horríveis e vidas vendidas - sem olhos, sem vozes, nem nada, e sem nem saber disso - somente a merda do desperdício, a nódoa em cima da cruz."






Entrevistas


"A melhor parte do que um escritor diz está no papel. A outra geralmente é bobagem."




Assassinos

"Sabe, alguns assassinos matam as pessoas diretamente. Os outros fazem isso à distância, e raramente são apanhados. A porra é que eles têm tirado as nossas vidas sem disparar um tiro. "







Pai, afasta de mim esse cale-se

"Glendoline puxou uma cadeira e começou a falar. E como falava. Se fosse uma esfinge, ia falar, se fosse uma pedra, ia falar. Quando é que ela vai se cansar e sair, fiquei pensando. Mesmo quando parei de escutar, era como se eu estivesse sendo bombardeado com minúsculas bolinhas de pingue-pongue. Glendoline não tinha nenhuma noção do tempo e não se tocava que podia estar incomodando. Ela falava, falava. Meus personagens falam demais. Todo mundo fala demais."






Auto Retrato

"Lá estavam as cicatrizes, o narigão de alcóolatra, a boca de macaco, os olhos reduzidos a fendas; e lá estava o sorriso burro e satisfeito de um homem feliz, ridículo, que se sente um sortudo, e nem sabe por quê. Ela tinha 30 e eu mais de 50. Não me importava."

sábado, 22 de agosto de 2009









Nostalgia

"Fico um pouco triste por não ser jovem e estar fazendo tudo que fiz de novo, bebendo, brigando e jogando com as palavras. Quando a gente é jovem, pode realmente agüentar uma surra. A comida não importa. O que importa é beber e sentar á máquina. Eu devia ter sido louco, mas há muitos tipos de loucura, e alguns são muitos gostosos. Eu morria de fome para ter tempo de escrever, Não se faz mais isso. Naquele tempo estava louco e sabia disso e não me importava. Tenho a impressão que as pessoas que não pensam muito sempre vão permanecer mais jovens por mais tempo."




Ah, merda. E agora ?!

"A simplicidade é sempre o segredo para um profunda verdade, para fazer as coisas, para escrever, para pintar. A vida é profunda em sua simplicidade. Acho que as pistas de corrida me mantém consciente disso. Mas, num outro sentido , a pista é uma doença, um recheio , um substituto para outras coisas que se deve enfrentar. Contudo, todos nós precisamos de fuga. As horas são longas e têm de ser preenchidas de algum modo até nossa morte. E simplesmente não há muita glória e sensação para ajudar. Tudo se torna tão chato e mortal. Acordamos pela manhã, jogamos os pés para fora da cama, colocamo-los no chão e pensamos: Ah, merda. E agora ?!"




Trabalho

"Como é que alguém pode ter prazer em ser acordado as 5:00 horas por um despertador, saltar da cama ,vestir-se, engolir qualquer coisa, cagar, mijar, escovar dentes e cabelos e lutar com o trânsito para chegar a um lugar onde a tarefa é essencialmente produzir dinheiro para outra pessoa e onde ainda lhe pedem que demonstre gratidão pela oportunidade?"

sexta-feira, 21 de agosto de 2009





Oh Happy Day!

"Botei uma camisa, uma calça, ..., corri pro banheiro e vomitei.
Tentei escovar os dentes, mas só consegui vomitar de novo. ...
-Você tá mal - disse Lydia. -Quer que eu saia?
-Não, não, eu tô legal. Sempre acordo desse jeito."

quinta-feira, 20 de agosto de 2009




Ecologia

"Todos nós temos cú, certo? Tem alguém aqui que não tem cú? Todos nós temos essa racha nas costas, certo? Lá embaixo, mais ou menos no meio certo? A merda espirra por alí, certo? Ou pelo menos a gente espera que ela espirre! É tirar a nossa merda, e estaremos mortos. Pensem em quanta merda a gente caga numa vida inteira! A Terra, no momento, absorver toda ela! Mas os mares, os rios estão ameaçando as suas próprias vidas engolindo nossa merda! Nós somos imundos, imundos, imundos!!! Toda a vez que limpo a bunda odeio a todos nós!!!"







Intelectuais

"Para eles a vida é boa. só se precisa estar no mundinho deles, ser escritor, ou pintor, ou bailarino, e pode-se ficar alí o dia inteiro, sentado ou de pé, inspirando e expirando, bebendo vinho, fingindo saber o que diabos acontece."

quarta-feira, 19 de agosto de 2009





Yes We Can?

" Alguns brancos amam os negros. Muito poucos negros amam os brancos . Ainda estão indo à forra. Talvez nunca consigam. Numa sociedade capitalista os perdedores são escravizados pelos vencedores, e é preciso haver mais perdedores que vencedores. Que penso eu? Sei que a política jamais resolverá isso e não sobra muito tempo para se estar numa boa."

terça-feira, 18 de agosto de 2009





Ossos do Ofício

"Advogados, médicos, bombeiros mecânicos, eles é que ficam com a grana toda. Escritores? Os escritores morrem de fome. Os escritores se suicidam. Os escritores enlouquecem."


Inspiração

"Eu só preciso estar alí. Todo o processo me permite seguir em frente. Quando a vida me oferece tão pouco, quando a vida é um espetáculo de horror. Sempre há a máquina para me acalmar, conversar comigo, me entreter, salvar meu rabo. Basicamente, é por isso que eu escrevo: para salvar meu rabo do asilo de doidos, das ruas, de mim mesmo."



Gênios

"Eu não gosto de me sentir ressentido com eles. Mas já me empurraram gênios durante todo o tempo de escola. Tolstói. Ibsen, G. B, Shaw, todos esses chatos. E pior Mark Twain, Sinclair , Lewis, tudo isso jogado em cima da gente com se fosse cimento, a gente querendo sair, se mandar, pois todos parecem estúpidos e densos e insistindo em regras e meios que fariam até os mortos se encolherem. Como eu sempre pareci um pano de prato, esses tipos sempre me deixaram meio puto."




Herança

"Lembro-me que meu pai praticamente hipotecou sua vida inteira para comprar uma casa. Ele me disse: "escute, eu vou pagar a vida inteira por uma casa, e quando eu morrer você ficará com essa casa. E durante a vida inteira você pagará por uma casa, e quando morrer deixará duas casas pra seu filho. Com isso são duas casas. Depois seu filho..." Todo esse processo me parecia terrivelmente lento: casa por casa, morte por morte. Depois, bastaria uma só pessoa para perder todas elas no jogo ou queimar tudo com um fósforo e sair correndo pela rua abaixo com os bagos num balde de colher frutas."




Bondade

"Quando não conseguir pensar em nada pra fazer, seja bondoso."

domingo, 16 de agosto de 2009





Escritores


"Escrever é estranho. Eu preciso escrever, é como uma droga, uma forte compulsão, mas não me agrada pensar em mim mesmo como um escritor. Talvez tenha conhecido escritores demais. Eles levam mais tempo falando mal uns dos outros do que fazendo seu trabalho. São nervosos, fofoqueiros, velhas solteironas, vivem se lamentando, dando facadas, inchados de vaidade. São esses nossos criadores? Sempre foi assim? Provavelmente sim. Talvez escrever seja uma forma de lamento. Alguns simplesmente se lamentam melhor do que os outros."






Cinema

"Os filmes sacodem e chacoalham a cabeça da gente, deixando a gente sem esperança nem energia. Eu me sento naqueles cinemas nauseado nas tripas e na alma."

sexta-feira, 14 de agosto de 2009




Medo

"A gente sente que algumas pessoas têm medo até de trombas d'água. Medo inútil. Medo desperdiçado. Se algum dia quiser usar o medo, guarde-o para alguma coisa concreta."





Humildade

"Algumas pessoas não são tão boas quanto acham que são, mas também a maioria de nós também se acha assim."




Condescendência

"Às vezes caio em um patético período de desligamento. Muitas vezes, diante de seres humanos bons e maus igualmente, meus sentidos simplesmente se desligam, se cansam, eu desisto. Sou educado. Balanço a cabeça. Finjo entender porque não quero magoar ninguém. Este é o único ponto fraco que tem me levado á maioria das encrencas. Tentando ser bom com os outros, muitas vezes tenho a alma reduzida a uma espécie de pasta espiritual."






Mãos


Eu tinha talento, tenho talento. Ás vezes olhava minhas mãos e compreendia que podia ter sido um grande pianista. Mas o que tinham feito minhas mãos? Coçado o saco, preenchido cheques, amarrado cadarços. Puxado descargas de banheiros, etc. Desperdicei minhas mãos. E minha mente.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009








Nepotismo


"Todas as pessoas são iguais. Algumas apenas têm mais influência, mais sorte, dinheiro e política. Os da indústria trazem para dentro a família e os amigos. Capacidade e talento são secundários. Eu sei que parece discurso, mas é isso aí."




Sua filosofia de vida

"Tente pensar o mínimo possível."

sábado, 8 de agosto de 2009







Celebridades


"De uma maneira ou de outra a maioria conseguiram escapar do ramerão cotidiano. Nunca foram apanhados nele, e nunca o serão. Tais são as recompensas dos "escolhidos" na Terra dos Livres. De certo modo, essas pessoas me parecem idiotas. E, é claro nem mesmo pensam em mim. Talvez alguns achem a coisa chique. Claro, o que faz a coisa toda cheirar mal é o fato de muitos ricos e famosos não passarem de putas estúpidas e estúpidos filhos da puta. Simplesmente entram em alguma mamata em alguma parte. Ou tinham enriquecido com a estupidez do grande público. Geralmente são desprovidos de visão, de alma, pedaços de cocô ambulantes, mas para o público parecem deuses, belos, reverenciados."



Oprah Winfrey: U$ 260 milhões por ano

A apresentadora de televisão norte americana Oprah Winfrey foi votada “A Celebridade mais Poderosa” do mundo. Seu talk show de tv é visto semanalmente por mais de 30 milhões de espectadores. Os ganhos financeiros da apresentadora estão estimados actualmente em mais de 260 milhões de dólares.






Record: Gugu vai receber R$ 3 milhões por mês


Nos últimos dias, falou-se muito sobre a proposta que Gugu Liberato recebeu para "mudar de casa". A Rede Record lhe ofereceu R$ 3 milhões mensais por oito anos consecutivos de contrato, mas, se os executivos da emissora quiserem que o apresentador apareça na telinha ainda este ano, terá que desembolsar mais R$ 15 milhões de multa contratual para o SBT.





Globo: Faustão vai receber R$ 5 milhões por mês

O apresentador Fausto Silva está prestes a renovar seu contrato com a Globo e, para isso, vai receber um salário rechonchudo além de diversas concessões por parte da emissora. De acordo com o jornal Folha de São Paulo, além do salário de cinco milhões de reais por mês, incluindo ganho em cima dos merchandisings.




Mau gosto


"O mau gosto cria muito mais milionários que o bom gosto. No fim, tudo se resume a quem consegue mais votos. Na terra das toupeiras, uma toupeira é rei. Portanto, quem merece alguma coisa? Ninguém merece nada..."